Home / 5G / Qual é o TAC em 5G?

Qual é o TAC em 5G?

O TAC, ou Código de Área de Rastreamento, é um elemento importante nos sistemas de comunicação sem fio 5G (Quinta Geração). Ele desempenha um papel fundamental no gerenciamento da rede e permite o rastreamento e a identificação eficientes do Equipamento do Usuário (UE) à medida que ele se move dentro da rede. Vamos nos aprofundar na definição detalhada, estrutura e significado do Código de Área de Rastreamento no contexto do 5G:

  1. Definição de TAC:
    • O Código de Área de Rastreamento (TAC) é um identificador numérico usado em redes celulares, incluindo 5G, para identificar exclusivamente uma área de rastreamento dentro da rede.
    • Uma área de rastreamento é uma área geográfica atendida por um grupo de células, e o TAC ajuda a identificar a área de rastreamento específica à qual um UE pertence.
  2. Arquitetura de rede:
    • Na arquitetura 5G, a rede é dividida em áreas de rastreamento, e cada área de rastreamento é identificada por um TAC exclusivo.
    • Uma área de rastreamento pode consistir em uma ou mais células, e os UEs dentro de uma área de rastreamento podem se comunicar com a rede sem a necessidade de atualizar suas informações de localização, desde que permaneçam na mesma área de rastreamento.
  3. Composição e Estrutura:
    • O TAC normalmente é um valor numérico expresso em formato hexadecimal.
    • No 5G, o TAC faz parte do PLMN-Id (Public Land Mobile Network Identifier) ​​e está incluído no PLMN-Id juntamente com o MCC (Mobile Country Code) e o MNC (Mobile Network Code). O PLMN-Id identifica exclusivamente um PLMN, e o TAC ajuda a identificar a área de rastreamento dentro desse PLMN.
  4. Rastreamento de localização e gerenciamento de mobilidade:
    • O TAC é crucial para o rastreamento de localização e gerenciamento de mobilidade em redes 5G. À medida que os UE se movem dentro da rede, a rede precisa de saber a sua localização para gerir eficientemente as transferências e garantir um serviço contínuo.
    • Ao identificar a área de rastreamento, o TAC permite que a rede determine a localização geral do UE sem exigir atualizações frequentes nas informações de localização do UE.
  5. Resseleção e transferência de células:
    • O TAC é usado no processo de resseleção de células, onde os UEs avaliam periodicamente as células vizinhas e podem decidir mudar para uma célula diferente dentro da mesma área de rastreamento ou para uma célula em uma área de rastreamento diferente.
    • As transferências entre células dentro da mesma área de rastreamento são normalmente mais rápidas e exigem menos sobrecarga de sinalização em comparação com as transferências entre células em diferentes áreas de rastreamento.
  6. Procedimentos de atualização de localização:
    • Quando um UE se move através de áreas de rastreamento, pode ser necessário realizar uma atualização de localização para informar a rede sobre sua nova localização. O TAC ajuda a identificar a área de rastreamento específica para a qual o UE está se movendo.
    • Procedimentos eficientes de atualização de localização contribuem para reduzir a carga de sinalização e otimizar o desempenho da rede.
  7. Otimizando procedimentos de paginação:
    • O TAC é usado na otimização de procedimentos de paginação. A paginação é o processo pelo qual a rede tenta localizar um UE quando há comunicação de entrada para esse UE.
    • Ao conhecer a área de rastreamento, a rede pode restringir o espaço de busca do UE, reduzindo os recursos necessários para paginação e melhorando a eficiência geral do sistema.
  8. Considerações de segurança:
    • O TAC também é considerado no contexto dos procedimentos de segurança. Garantir que o TAC esteja corretamente configurado e validado ajuda a prevenir o acesso não autorizado e aumenta a segurança da rede 5G.
  9. Configuração dinâmica:
    • Em certos cenários, o TAC pode ser configurado dinamicamente com base no planejamento da rede, considerações operacionais ou alterações na topologia da rede.
    • A configuração dinâmica do TAC permite adaptabilidade às mudanças nas condições e requisitos da rede.

Em resumo, o Código de Área de Rastreamento (TAC) é um componente crítico nas redes 5G, contribuindo para o rastreamento eficiente da localização, gerenciamento de mobilidade e otimização dos procedimentos de rede. Sua função na identificação de áreas de rastreamento ajuda a agilizar transferências, procedimentos de paging e desempenho geral da rede, garantindo conectividade perfeita para equipamentos do usuário que se movem dentro da rede 5G.

Recent Updates