Home / 4G LTE / Qual é o espaçamento das subportadoras OFDM?

Qual é o espaçamento das subportadoras OFDM?

Espaçamento de subportadoras OFDM:

A multiplexação por divisão de frequência ortogonal (OFDM) é uma técnica de modulação chave amplamente utilizada em sistemas modernos de comunicação sem fio, incluindo Wi-Fi, LTE e 5G. OFDM depende da divisão do espectro de frequência disponível em múltiplas subportadoras, e o espaçamento entre essas subportadoras é um parâmetro crítico que influencia o desempenho do sistema. Vamos explorar detalhadamente o espaçamento das subportadoras OFDM, seu significado e considerações em vários padrões de comunicação:

1. Noções básicas de OFDM:

OFDM é um esquema de modulação multiportadora que divide a banda de frequência geral em múltiplas subportadoras, cada uma transportando uma parte dos dados. Essas subportadoras são ortogonais entre si, o que significa que foram projetadas para serem imunes à interferência entre subportadoras adjacentes.

2. Espaçamento de subportadora em OFDM:

O espaçamento entre subportadoras OFDM, frequentemente denotado como Δf (delta f), determina a diferença de frequência entre subportadoras consecutivas. A escolha do espaçamento da subportadora é um parâmetro de projeto crucial em sistemas OFDM e varia entre diferentes padrões de comunicação.

3. Espaçamento entre subportadoras IEEE 802.11 (Wi-Fi):

Em sistemas Wi-Fi que seguem os padrões IEEE 802.11, como 802.11a, 802.11g e 802.11n, o espaçamento das subportadoras é padronizado. Por exemplo, em 802.11a e 802.11g, o espaçamento de subportadora é 312,5 kHz, enquanto 802.11n introduziu um espaçamento de subportadora variável, permitindo 312,5 kHz ou 156,25 kHz.

4. Espaçamento da subportadora LTE:

No Long-Term Evolution (LTE), que é um padrão de comunicação sem fio 4G, o espaçamento da subportadora é fixado em 15 kHz. Este espaçamento fixo é escolhido para encontrar um equilíbrio entre eficiência espectral, facilidade de implementação e compatibilidade com sistemas existentes.

5. Espaçamento da subportadora 5G NR:

Com o advento do 5G, o New Radio (NR) introduz mais flexibilidade no espaçamento das subportadoras. O padrão 5G NR suporta múltiplas numerologias, cada uma com seu espaçamento de subportadora específico. A numerologia inclui parâmetros como espaçamento de subportadora, duração do slot e duração do símbolo. Os espaçamentos comuns de subportadora em 5G NR incluem 15 kHz, 30 kHz, 60 kHz, 120 kHz e 240 kHz, proporcionando adaptabilidade para diversos casos de uso.

6. Fatores que influenciam o espaçamento das subportadoras:

6.1. Requisitos de taxa de dados:

  • A taxa de dados necessária geralmente influencia a escolha do espaçamento da subportadora. Um espaçamento menor permite mais subportadoras dentro da largura de banda disponível, potencialmente suportando taxas de dados mais altas.

6.2. Propagação de atraso:

  • A propagação do atraso do canal, que representa a diferença de tempo entre a chegada da primeira e da última cópia de um sinal, pode impactar o espaçamento das subportadoras. Em ambientes com propagação de atraso significativa, um espaçamento maior entre subportadoras pode ser preferível.

6.3. Condições do canal:

  • As características do canal sem fio, incluindo o desvanecimento multipercurso e o desvanecimento seletivo de frequência, influenciam a escolha do espaçamento da subportadora. O espaçamento adaptativo de subportadora pode ser empregado para lidar com diversas condições de canal.

6.4. Tamanho da FFT:

  • O tamanho da Transformada Rápida de Fourier (FFT) usada no sistema OFDM está interligado com o espaçamento da subportadora. Tamanhos maiores de FFT podem acomodar mais subportadoras, afetando o desempenho geral do sistema.

7. Impacto no design do sistema:

7.1. Eficiência Espectral:

  • Um espaçamento menor entre subportadoras pode contribuir para uma maior eficiência espectral, permitindo um uso mais eficiente do espectro de frequência disponível.

7.2. Robustez para atrasar a propagação:

  • Um espaçamento maior entre subportadoras pode aumentar a robustez do sistema para atrasar a propagação, tornando-o adequado para ambientes com condições de propagação desafiadoras.

7.3. Compatibilidade e coexistência:

  • A compatibilidade com os padrões existentes e a coexistência com outros sistemas são considerações críticas na determinação do espaçamento das subportadoras. A harmonização entre padrões garante uma operação suave em bandas de frequência compartilhadas.

8. Evolução e considerações futuras:

À medida que as tecnologias de comunicação sem fio continuam a evoluir, os padrões futuros poderão introduzir novos avanços no espaçamento das subportadoras OFDM. Esses avanços podem ser impulsionados pela necessidade de taxas de dados mais altas, maior eficiência espectral e maior suporte para diversos casos de uso.

9. Conclusão:

Concluindo, o espaçamento das subportadoras OFDM é um parâmetro fundamental em sistemas de comunicação sem fio que utilizam modulação OFDM. A escolha do espaçamento da subportadora é influenciada por fatores como requisitos de taxa de dados, condições do canal e considerações de projeto do sistema. Em diferentes padrões, como Wi-Fi, LTE e 5G NR, o espaçamento das subportadoras varia para atender às demandas específicas de cada tecnologia e aos diversos casos de uso que pretendem atender. A flexibilidade no espaçamento de subportadoras é uma característica fundamental do 5G NR, permitindo adaptabilidade a uma ampla gama de cenários de implantação.

Recent Updates