Home / GSM / Qual é a diferença entre canal de tráfego e canal de controle?

Qual é a diferença entre canal de tráfego e canal de controle?

Qual ​​é a diferença entre canal de tráfego e canal de controle?

Vamos ver os conceitos de canais de tráfego e canais de controle, suas funções e como eles diferem entre si.

Canais de tráfego:

Os canais de tráfego, muitas vezes referidos como TCH (Canais de Tráfego) em redes celulares, são parte integrante de um sistema de comunicação sem fio. Eles são os principais responsáveis ​​por transportar dados gerados pelo usuário, como chamadas de voz ou transferências de dados. Aqui estão as principais características e funções dos canais de tráfego:

  1. Transmissão de dados do usuário: Os canais de tráfego são dedicados à transmissão de dados do usuário. No caso de uma chamada de voz, esses dados incluem o sinal de áudio, enquanto para serviços de dados, como navegação na Internet ou download de arquivos, incluem os dados reais enviados ou recebidos.
  2. Dois tipos: Normalmente existem dois tipos de canais de tráfego em redes celulares:
    • Canal de tráfego de taxa total: esse tipo de canal oferece a mais alta qualidade e é frequentemente usado para chamadas de voz quando as condições da rede permitem.
    • Canal de tráfego de meia taxa: Para otimizar os recursos da rede, especialmente durante altas cargas de tráfego, um canal de tráfego de meia taxa pode ser usado para reduzir a largura de banda alocada para uma única chamada. Isso pode reduzir um pouco a qualidade da chamada, mas permite mais chamadas simultâneas.
  3. Taxa de bits constante (CBR): as chamadas de voz geralmente exigem uma taxa de bits constante para manter a qualidade da chamada. Os canais de tráfego garantem que este CBR seja mantido.
  4. Criptografia de dados: nas redes celulares modernas, os canais de tráfego também incluem mecanismos de criptografia para proteger os dados do usuário contra espionagem e acesso não autorizado.
  5. Alocação Dinâmica: Em muitos sistemas, os canais de tráfego são alocados dinamicamente com base na demanda da rede. Quando você inicia uma chamada ou sessão de dados, um canal de tráfego é alocado ao seu dispositivo durante a comunicação.
  6. Exemplos: Em uma conversa telefônica móvel, os dados de voz são transmitidos através de um canal de tráfego. Da mesma forma, quando você navega na Internet em seu smartphone, os pacotes de dados são enviados e recebidos através de canais de tráfego.

Canais de controle:

Os canais de controle, muitas vezes chamados de CCCH (Common Control Channels) ou BCCH (Broadcast Control Channels) em redes celulares, desempenham um papel fundamentalmente diferente em comparação aos canais de tráfego. Eles são responsáveis ​​por gerenciar e controlar vários aspectos do sistema de comunicação sem fio. Aqui estão as principais características e funções dos canais de controle:

  1. Sinalização e gerenciamento: Os canais de controle são usados ​​principalmente para sinalização e gerenciamento de rede. Eles carregam informações que ajudam os dispositivos móveis a estabelecer e manter conexões com a rede.
  2. Broadcast Information: BCCHs são usados ​​para transmitir informações essenciais sobre a célula e a rede. Isso inclui parâmetros como identidade celular, serviços disponíveis e informações do sistema.
  3. Configuração e transferência de chamada: quando você inicia uma chamada ou se move entre células durante uma chamada (transferência), canais de controle são usados ​​para sinalizar as instruções necessárias para o seu dispositivo. Isso inclui configurar uma chamada, encerrá-la e instruir seu dispositivo a mudar para uma frequência ou celular diferente.
  4. Acesso ao sistema: canais de controle também são usados ​​para acesso inicial ao sistema quando um dispositivo móvel deseja se conectar à rede. Isso inclui procedimentos como registro e atualização de localização.
  5. Baixa taxa de dados: os canais de controle normalmente transmitem dados a uma taxa mais baixa em comparação aos canais de tráfego. Eles não carregam dados do usuário, mas sim mensagens de controle e informações de sinalização.
  6. Sempre ativado: os canais de controle estão “sempre ativados” e transmitem continuamente informações para acesso de dispositivos móveis, mesmo quando você não está fazendo uma chamada ou usando serviços de dados.

Principais diferenças:

Agora que exploramos os papéis e funções dos canais de tráfego e canais de controle, vamos resumir as principais diferenças entre eles:

  1. Objetivo: Os canais de tráfego são dedicados ao transporte de dados gerados pelo usuário, enquanto os canais de controle são usados ​​para sinalização, gerenciamento e transmissão de informações essenciais da rede.
  2. Tipo de dados: os canais de tráfego transmitem dados do usuário, como voz ou dados de internet, enquanto os canais de controle transmitem mensagens de controle e informações de sinalização.
  3. Taxa de bits: os canais de tráfego geralmente têm taxas de bits mais altas para acomodar chamadas de voz ou transferências de dados, enquanto os canais de controle operam com taxas de bits mais baixas para fins de sinalização.
  4. Uso: os canais de tráfego ficam ativos quando você faz uma chamada ou usa serviços de dados, enquanto os canais de controle estão sempre ativos e são usados ​​para diversas tarefas de gerenciamento de rede.
  5. Alocação dinâmica: os canais de tráfego são alocados dinamicamente conforme necessário para a comunicação do usuário, enquanto os canais de controle estão continuamente disponíveis para acesso e gerenciamento da rede.

Em resumo, os canais de tráfego e os canais de controle desempenham funções distintas dentro de um sistema de comunicação sem fio. Os canais de tráfego tratam da transmissão de dados do usuário, enquanto os canais de controle são responsáveis ​​pela sinalização, gerenciamento da rede e transmissão de informações essenciais. Compreender essas diferenças é essencial para a operação eficiente de redes celulares e outras redes sem fio.

Recent Updates