Home / GSM / O que é Gran em telecomunicações?

O que é Gran em telecomunicações?

Nas telecomunicações, “GRAN” geralmente se refere à “Rede Genérica de Acesso por Rádio”. A Rede Genérica de Acesso Rádio é um conceito que envolve a separação das funções da rede de acesso rádio em componentes padronizados e interoperáveis. Esta abordagem faz parte de um movimento mais amplo em direção às arquiteturas Open RAN (O-RAN), que visam promover flexibilidade, interoperabilidade e inovação em implantações de redes de acesso via rádio.

Principais aspectos da GRAN (rede genérica de acesso por rádio):

  1. Decomposição de funções RAN:
    • GRAN envolve a decomposição ou desagregação das funções tradicionais da Rede de Acesso por Rádio (RAN) em componentes modulares e padronizados. Isso permite maior flexibilidade e intercambialidade desses componentes.
  2. Interoperabilidade:
    • Um dos principais objetivos da GRAN é promover a interoperabilidade entre equipamentos e soluções de diferentes fornecedores. Ao usar interfaces e protocolos padronizados, as operadoras de rede podem misturar e combinar componentes de vários fornecedores em suas redes de acesso por rádio.
  3. Neutralidade do fornecedor:
    • A GRAN apoia a neutralidade do fornecedor, permitindo que as operadoras de rede escolham equipamentos e soluções de diferentes fornecedores, sem estarem vinculadas ao ecossistema proprietário de um único fornecedor. Isso promove um cenário de fornecedores mais competitivo e diversificado.
  4. Interfaces abertas:
    • GRAN depende de interfaces abertas entre diferentes componentes RAN. Essas interfaces abertas seguem especificações padronizadas, permitindo comunicação e integração perfeitas entre componentes de diferentes fornecedores.
  5. Flexibilidade na implantação:
    • Com a GRAN, as operadoras de rede têm flexibilidade para implantar componentes RAN com base em seus requisitos e preferências específicos. Essa flexibilidade se estende à escolha de unidades de banda base, unidades de rádio remotas e outros elementos dentro da rede de acesso por rádio.
  6. Aliança O-RAN:
    • A Aliança O-RAN é um consórcio de operadoras e fornecedores de telecomunicações que trabalham juntos para definir padrões e interfaces abertas para a rede de acesso por rádio. A GRAN está alinhada com os princípios e especificações estabelecidos pela O-RAN Alliance.
  7. Virtualização e arquiteturas nativas da nuvem:
    • GRAN adota virtualização e arquiteturas nativas em nuvem, permitindo que funções RAN sejam implementadas como entidades baseadas em software que podem ser executadas em hardware de uso geral. Essa transição de soluções específicas de hardware para implementações orientadas por software contribui para agilidade e escalabilidade.
  8. Eficiência e Inovação:
    • O conceito GRAN visa melhorar a eficiência das implantações de RAN e estimular a inovação, promovendo um ecossistema de fornecedores mais diversificado. Isso pode levar ao desenvolvimento de soluções novas e inovadoras que atendam a casos de uso e requisitos específicos.
  9. Redução de custos:
    • Ao promover a concorrência e a interoperabilidade, a GRAN pode contribuir para a redução de custos nas implantações de RAN. As operadoras de rede podem escolher soluções econômicas e evitar ficarem presas a tecnologias proprietárias que podem limitar suas opções.
  10. 5G e além:
    • GRAN é particularmente relevante no contexto do 5G e das futuras gerações de redes móveis. A maior complexidade e os diversos requisitos das redes 5G tornam a flexibilidade e a interoperabilidade fornecidas pela GRAN mais cruciais.

Em resumo, GRAN, ou Rede Genérica de Acesso por Rádio, representa uma abordagem à arquitetura de rede de acesso por rádio que enfatiza a decomposição das funções RAN, a interoperabilidade, a neutralidade do fornecedor e o uso de interfaces abertas. Alinha-se com os princípios defendidos pela Aliança O-RAN e contribui para a evolução de redes de acesso rádio mais flexíveis, eficientes e inovadoras.

Recent Updates