Como funciona o SIM no GSM

O cartão SIM contém a sua memória interna, na qual são armazenados os dados, informações pessoais e financeiras, bem como a identidade para GSM/CDMA. O cartão SIM armazena informações específicas da rede para autenticar a identidade do assinante na rede.

Os SIMs foram lançados pela primeira vez em 1992 com os primeiros telefones celulares digitais “GSM”. O Nokia 1011 foi o primeiro celular GSM a chegar ao mercado.

O SIM é usado para fornecer armazenamento de informações relacionadas ao assinante da seguinte forma:

  • IMSI (identidade internacional de assinante móvel).
  • Dados de rede temporários, como TMSI, LAI, status de atualização de localização.
  • Chave de autenticação do assinante (Ki) e chave de codificação (Kc), que são usadas para fins de segurança.
  • Informações BCCH: lista de frequências portadoras a serem usadas para seleção de células.
  • PLMN proibido.
  • Preferência de idioma.
  • Número PIN (Número de Identificação Pessoal) e contador de erros de PIN.
  • Número PUK (chave de desbloqueio pessoal) e contador de erros PUK.

Gerenciamento de PIN

O número PIN consiste em 4 a 8 dígitos e é carregado pelo ativador do serviço no momento da assinatura. Posteriormente, o número PIN pode ser alterado quantas vezes o usuário desejar, incluindo o comprimento do número PIN.

O usuário pode desativar a função PIN, mas novamente pode ser inibido no momento da assinatura por uma pessoa autorizada. Se um PIN incorreto for inserido, uma indicação será dada ao usuário. Após 3 entradas consecutivas o SIM é bloqueado, mesmo que o SIM seja removido ou o telemóvel seja desligado e ligado.

Se o cartão SIM estiver bloqueado, o usuário não poderá acessar a rede. O desbloqueio do cartão SIM só pode ser feito digitando o PUK (Personal Unlock Key). O PUK tem 8 dígitos e é fornecido ao usuário no momento da assinatura.

Se um PUK incorreto for inserido mais de 10 vezes, o PUK não funcionará mais e o cartão SIM continuará bloqueado até ser levado ao centro de serviços do fornecedor móvel.

Dois tipos físicos de SIM são especificados:

  • ID – 1 SIM – Parece um cartão de crédito
  • Conecte o SIM – Parece que um pequeno chip está instalado de forma semipermanente no equipamento móvel.

Para que um telefone GSM funcione, é necessário inserir um cartão SIM para que você possa acessar a rede móvel local para fazer ou receber chamadas ou enviar SMS.

Recent Updates

Related Posts